O Festival, idealizado e produzido por Andressa Oliveira, Marcelo Rocha e Coletivo Favela em Casa, pensa a promoção e difusão da arte e ação cultural produzidas pelas periferias e favelas da Grande São Paulo. Além de ativar coletivos, artistas e profissionais da cadeia da cultural. Mais que uma vitrine para artistas fora da bolha do mainstream, o projeto possibilita também que o dinheiro circule por mãos pretas e periféricas.

O Favela em Casa é fomento à cultura e arte periférica de todo Brasil, durante a exibição do Festival, e também depois dela, arrecadará fundos para artistas e coletivos. Em um contexto politicamente e economicamente fragmentado, contar com o aporte financeiro é fundamental para manter pulsando a vida de iniciativas tão potentes quanto fragilizadas que, hoje, devido à eminente crise sanitária, enfrentam ainda mais desafios e portas fechadas.

qrcode.png
LOGO_VERMELHO_.png
foto.jpg

Artistas e Coletivos de Favela, se inscrevam em nosso Chamamento Público!

O Coletivo Favela em Casa, junto a ONG Ação Educativa, selecionará e apoiará iniciativas locais de cultura periférica. Os apoios serão concedidos a artistas e entidades de produção artística que viram os seus projetos cancelados, nas áreas de literatura, audiovisual, música, dança, teatro e artes visuais, sob a forma de uma reposição parcial dos rendimentos perdidos, contribuindo para fazer face a despesas de subsistência. 
Clique e saiba mais!